Supremo começa análise de ações sobre criminalização da LGBTfobia


O Supremo Tribunal Federal começou, na tarde desta quarta-feira (13/2), a julgar duas ações que discutem se o Congresso está omisso em não editar leis para criminalizar a homofobia. Nesta tarde foram ouvidas apenas as manifestações das partes, sem leitura de votos.
Os autores acusam o Congress…
Fonte: Conjur