TRF-2 liberta empresários que fizeram obra na casa de Pezão


O empresário César Amorim não integra organização criminosa nem promoveu lavagem de dinheiro. Portanto, sua prisão preventiva não se justifica, pois, solto, não ameaça a ordem pública ou as investigações sobre o ex-governador do Rio de Janeiro Luiz Fernando Pezão.
Com esse entendimento, a 1ª T…
Fonte: Conjur